RSS

Arquivo mensal: abril 2012

Armênios de São Paulo realizaram manifestação pacífica na Avenida Paulista

Dando continuidade à série de eventos para rememoração dos 97 anos do genocídio Armênio que se completa neste ano, na tarde deste sábado a comunidade Armênia do Brasil compareceu à Avenida Paulista para o protesto pacífico programado para as 15 horas.

Apesar da previsão de chuva para o dia todo na cidade, a comunidade atendeu ao chamado das entidades Armênias e compareceu com cerca de 300 pessoas. Crianças, jovens e pessoas de todas as idades vestidos com camisetas pretas e munidos de banners e bandeiras da Armênia distribuíram cerca de 10 mil folhetos explicativos sobre o genocídio sofrido pelo povo Armênio em 1915.

Esta é a sexta vez que a Avenida Paulista é palco de concentração dos Armênios. A adesão dos membros da coletividade Armênia de São Paulo à manifestação deste ano foi bastante comemorada por todos. O Ato pacífico terminou por volta das 16h30, em frente ao tradicional prédio da gazeta, aonde os presentes cantaram, em uníssono, músicas patrióticas Armênias.

Mais tarde, às 19 horas, o Jornal da Gazeta veiculou reportagem com imagens da manifestação na qual também afirmou, categoricamente, que o povo Armênio sofrera um genocídio há 97 anos atrás.

Após o ato na Avenida Paulista, boa parte do grupo seguiu rumo ao Clube Armênio para participar do fogo de conselho promovido pela Juventude Sama, com a ajuda do grupo escoteiro Sardarabad, aonde foram lidos alguns textos e poemas além da realização de esquetes. Alguns vídeos sobre armenidade também foram exibidos. O professor de música Felipe Mavichian agraciou a todos ao tocar numa guitarra no melhor estilo metal a música sacra Der Voghormea, que deixou a todos presentes bastante emocionados.

Ao final, todos seguiram para suas casas com o sentimento de dever cumprido em partes, pois no domingo haverá missa em homenagem aos mártires Armênios nas igrejas Armênias seguido de ato cívico no monumento em memória das vítimas do genocídio localizado na Praça Armênia, na Avenida Santos Dumont.

Na segunda feira (23) haverá ato solene na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, à partir das 20h, no auditório Paulo Kobayashi. Para terça feira, dia 24 de abril, está programada uma concentração pacífica de armênios na frente do consulado da Turquia em São Paulopara a entrega de carta protesto ao cônsul turco em São Paulo.

Veja mais fotos:
         

        

Fonte: http://estacaoarmenia.com.br/2012/armenios-de-sao-paulo-realizam-manifestacao-pacifica-na-avenida-paulista/6422/

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26/04/2012 em Armênios, Notícias

 

Associação de Engenheiros Brasil-Alemanha promove simpósio internacional

A Associação de Engenheiros Brasil-Alemanha está com inscrições abertas para o seu Simpósio Internacional Excelência em Produção: A Importância do Fator Humano, que será realizado no dia 17 de maio, em São Paulo.

Entre os palestrantes está o Prof. Dr. Ing. Thomas Bauernhansl, Diretor Geral do Instituto de Pesquisa Fraunhofer, Ralf Sacht, Diretor da Volkswagen, além de representantes da Mercedes e Siemens, entre outros.

Interessados tem até o dia 14 de maio para se inscrever. O evento será em português e alemão, com tradução simultânea.

Mais informações:http://www.vdibrasil.com.br/site/eventos/index.php?id=45837

Fonte:http://www.brasil.diplo.de/Vertretung/brasilien/pt/__pr/Nachrichten_20Archiv/24.04_20Simposio_20VDI.html?archive=3303638

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26/04/2012 em Notícias

 

Embaixador alemão participa de Seminário em São Paulo

O Embaixador da República Federal da Alemanha Wilfried Grolig participou na manhã dessa terça-feira (24.04) do Seminário sobre oportunidades nas Relações Comerciais do Brasil frente à nova configuração dos blocos econômicos mundiais, em São Paulo.

O evento, promovido pela Câmara Americana de Comércio, contou com a presença de representantes de empresas como a Bayer, e de diplomatas da República da Coreia, Estados Unidos, e do ex-ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior e consultor internacional de comércio exterior Miguel Jorge.

Grolig participou  do painel de debates Diplomatas de grandes economias mundiais e as relações comerciais e políticas do Brasil com seus países. “As relações bilaterais tem se fortalecido muito nos últimos anos. O Brasil se tornou um parceiro essencial para a Alemanha em termos econômicos, científicos, culturais e em muitos outros aspectos”, afirmou o Embaixador.

As Relações Bilaterais Brasil e Alemanha

O Brasil é o parceiro comercial mais importante da Alemanha na América Latina. As estatísticas brasileiras mostram que o volume de comércio bilaterial com a Alemanha chegou a 24,24 bilhões de dólares em 2011 (18% a mais do que em 2010).

Além disso, cerca de 1200 empresas de capital alemão estão no Brasil, das quais 800 estão situadas em São Paulo, o maior pólo da economia alemã fora da Alemanha.

Para consolidar o grande sucesso dessa parceria, estão programados alguns eventos, como o Encontro Econômico Brasil-Alemanha, a ser realizado em julho, a Feira do Livro de Frankfurt de 2013, onde o Brasil será o país parceiro, e o Ano da Alemanha no Brasil, em 2013/2014.

Fonte: http://www.brasil.diplo.de/Vertretung/brasilien/pt/__pr/Nachrichten_20Archiv/24.04_20Grolig_20em_20SP.html?archive=3303638

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26/04/2012 em Alemães, Notícias

 

Saudita virá para rodadas de negócios

Importador saudita estará em São Paulo nesta semana para encontros de negócios com fabricantes de metais sanitários e fechaduras. Ele foi convidado pelo projeto Metais Brasil.

Isaura Danielisaura.daniel@anba.com.br

São Paulo – Um importador saudita vai participar de rodadas de negócios com indústrias brasileiras de materiais de construção nesta quinta-feira (26) na capital paulista. O comprador árabe, que é representante da Arabian Trading Corporation (Atraco), foi convidado pelo Metal Brasil, projeto de fomento às exportações de metais sanitários, fechaduras e utilidades domésticas em alumínio, para participar do encontro de negócios em São Paulo.

O projeto Metal Brasil é levado adiante pelo Sindicato da Indústria de Artefatos de Metais não Ferrosos do Estado de São Paulo (Siamfesp) e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex) e as rodadas de negócios são realizadas uma vez por ano. Nesta edição, além do importador saudita, virão também dois compradores da Bolívia e dois da Colômbia. Eles desembarcam no Brasil nesta quarta-feira (25) e têm programação até o domingo.

De acordo com o consultor do Metal Brasil, Armino Calonga Jr.,vão participar das rodadas de negócios 13 empresas das 35 que integram o projeto. Elas são das áreas de fechaduras e metais sanitários. Devem acontecer 75 reuniões, mas não há projeção de negócios. Apesar dos mercados que eles representam não serem novidade para as indústrias brasileiras, os importadores que virão para os encontros terão o seu primeiro contato com o projeto.

Calonga conta que o Metal Brasil tem como foco nove países, entre eles Catar e Arábia Saudita. Por isso compradores da região foram convidados. Além deles, também são foco das ações de promoção do setor Angola, Bolívia, Colômbia, Equador, Estados Unidos, Panamá e Peru. O projeto começou a ser levado adiante há cerca de cinco anos.

As rodadas de negócios acontecem no Hotel Caesar Business. Os importadores convidados para o projeto comprador também farão visitas técnicas, terão encontros previamente agendados com convidados e assistirão a Fórmula Indy 300, que acontece neste final de semana em São Paulo. Levá-los ao evento esportivo, ao qual irão também os empresários brasileiros, faz parte da estratégia da Apex de estreitar laços entre as duas partes. O importador saudita também visitará a Câmara de Comércio Árabe Brasileira.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26/04/2012 em Notícias

 

Brasil e Mauritânia criam comissão mista

Os dois países assinaram acordos nesta quinta-feira (26) durante visita do chanceler Antonio Patriota a Nouakchott. Criação de comissão de cooperação e vistos diplomáticos estão entre os temas.

Da redação

São Paulo – O Brasil e a Mauritânia criaram comissão mista de cooperação nesta quinta-feira (16) durante visita do ministro de Relações Exteriores do Brasil, Antonio Patriota, a Nouakchott, capital do país árabe. Na passagem do chanceler também foram assinados outros acordos na área de vistos diplomáticos, educação rural, além de pesca e aquicultura, os dois últimos orquestrados pela Agência Brasileira de Cooperação (ABC), segundo informações do Itamaraty. A Mauritânia é a última nação que Patriota visita em um tour por três países africanos, que incluiu também a Etiópia e a Tunísia.

O ministro brasileiro foi recebido pelo presidente da Mauritânia, Mohamed Ould Abdel Aziz, de acordo com a Qatar News Agency, agência de notícias do Catar, e também pelo ministro dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação, Hamadi Ould Babe Ould Hamadi, segundo a Agência Mauritana de Informação (AMI). Em encontro com Patriota, Hamadi destacou que esta foi a primeira visita de um chefe da diplomacia brasileira ao seu país. Ele ressaltou que está ciente da reputação econômica e política do Brasil no cenário internacional e quer reforçar os seus laços com o País. Patriota, por sua vez, disse que visita ajudará a abrir novos horizontes na cooperação entre as duas nações.

A comissão mista, sobre a qual foi firmado acordo, terá como meta justamente fortalecer as relações de cooperação entre os dois países nas áreas econômica, comercial, financeira, científica, tecnológica, técnica e cultural. De acordo com informações divulgadas pelo Itamaraty o grupo vai se reunir a cada três anos ou em periodicidade estabelecida em comum pelos dois, alternadamente em Nouakchott e Brasília.

Os projetos da ABC devem ser já o início desta cooperação. Um deles é de apoio ao desenvolvimento da educação rural na Mauritânia, com o objetivo de desenvolver capacidades profissionais no país árabe no campo. O outro é voltado para a cadeia de pesca e aquicultura e tem como foco melhorar a capacidade de técnicos e dos profissionais dos quadros institucionais da Mauritânia no manejo sustentável do setor.

Também foram assinados acordos para isenção de vistos de diplomatas e permissão de trabalho remunerado de seus dependentes no outro país. O documento firmado diz que portadores de passaporte diplomático, oficiais ou de serviço, estarão isentos de vistos para entrar, transitar e permanecer por noventa dias na outra nação. O acordo sobre o trabalho afirma que os dependentes podem exercer trabalho remunerado no país, incluindo cônjuges, filhos solteiros menores de 21 anos, filhos solteiros menores de 25 anos que estejam estudando ou filhos solteiros com deficiências físicas ou mentais.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26/04/2012 em Notícias

 

Imigração iraniana

Entrevista com Nasrin Haddad Battaglia, imigrante iraniana.
A entrevistada conta a história de sua imigração para o Brasil: breve história do Irã, etnias, língua oficial, religião, características do povo, vestimentas obrigatórias para mulheres, bazares tradicionais, porque saiu do Irã, experiêcia profissional no Irã, adaptação no Rio de Janeiro, experiência profissional no Brasil, fixação de residência em Paraty RJ, mudança para Belo Horizonte e adaptação no Brasil.

Confira o vídeo: http://www.ufmg.br/proex/cpinfo/ufmgtube/videos/imigracao-iraniana/

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19/04/2012 em Iranianos

 

Governo quer atrair cientistas estrangeiros e brasileiros

18/04/12

Brasil: Para presidente Dilma, ações de incentivo ao preparo de estudantes brasileiros no exterior e de atração de pesquisadores para o Brasil contribuirão para o desenvolvimento do país.

A presidente Dilma Rousseff afirmou ontem que o governo quer atrair para o Brasil cientistas estrangeiros e brasileiros que atuam em outros países. Em sua coluna publicada rádio e jornais, Dilma explicou os programas do governo que têm o objetivo de trazer para o Brasil jovens pesquisadores que estão no exterior.

“Além de enviar mais de 100 mil estudantes para o exterior até 2014, o Ciência sem Fronteiras abrange dois outros programas, que visam justamente atrair estrangeiros e brasileiros que atuam em outros países. O primeiro é o Atração de Jovens Talentos, que objetiva trazer para o Brasil jovens pesquisadores, de preferência brasileiros, que participem de destacada produção científica e tecnológica no exterior. O segundo programa é o Pesquisador Visitante Especial, voltado para fomentar o intercâmbio e a cooperação internacional, atraindo lideranças científicas durante um a três meses por ano, por um período de dois a três anos”, disse a presidente.

Segundo Dilma, as ações de incentivo ao preparo de estudantes brasileiros no exterior e de atração de pesquisadores para o Brasil contribuirão para o desenvolvimento científico e tecnológico do país.

“Nossos estudantes vão aprender nas melhores universidades do mundo e pesquisadores consagrados no exterior virão ao Brasil para nos transmitir suas experiências. Essas iniciativas ajudarão a alçar o Brasil para um novo patamar científico e tecnológico”, declarou.

Fonte: http://www.jornalcorporativo.com.br/brasil/item/16193-governo-quer-atrair-cientistas-estrangeiros-e-brasileiros.html

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19/04/2012 em Notícias